Os Lusíadas

Luis de Camões

Os Lusíadas é uma obra poética do escritor Luís Vaz de Camões, considerada a epopeia portuguesa por excelência. Provavelmente concluída em 1556, foi publicada pela primeira vez em 1572 no período literário do classicismo, três anos após o regresso do autor do Oriente.

A obra é composta de dez cantos, 1102 estrofes que são oitavas decassílabas, sujeitas ao esquema rímico fixo AB AB AB CC – oitava rima camoniana. A acção central é a descoberta do caminho marítimo para a Índia por Vasco da Gama, à volta da qual se vão descrevendo outros episódios da história de Portugal, glorificando o povo português.

Fonte: Mz Formativa


DESCARREGAR (PDF)

Deixe um Comentário

Deixe aqui o teu comentário ou a pergunta sobre o tópico para ajudar a comunidade ou para que a comunidade o ajude a si

Comentários

©2021 ASGLOBAL / Angola Formativa // Viana - Luanda - Angola | Webdesign AngolaBYDAS

Voltar ao Inicio

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior

ciências

angola

mestrado

doutoramento

licenciatura

universidades

luanda

faculdades

instituto

superior