Informação

O currículo ajustado tem uma duração de 4 (quatro) anos, e enquadra-se na lei do ensino superior, lei n˚ 27/2009 de 29 de Setembro, e no comunicado reitoral de 26 de Outubro de 2011 que recomenda o ajustamento dos curriculos em curso, em conformidade com o Novo Quadro Curricular (NQC) aprovado pelo Conselho Universitário através da deliberação n˚ 16/CUN/2011.

De acordo com o NQC a duração dos cursos de Licenciatura na UEM estabelece-se em 4 (quatro) anos, podendo as unidades orgânicas que o pretendem, propor programas com duração de 3 (três) anos. O processo de ajuste curricular na Faculdade de Agronomia e Engenharia Florestal (FAEF)  foi também motivado pelo resultado da consulta aos estudantes. Os resultados da consulta indicaram a necessidade de uma forma de culminação do curso e uma qualificação de Licenciado Engenheiro.

O graduado em Engenharia Agronómica deve saber:

  1. os conceitos fundamentais e os procedimentos metodológicos respeitantes a cada uma das áreas  definidas no perfil profissional;
  2. as técnicas de comunicação oral e escrita;
  3. compreender e analisar criticamente diferentes tipos de informação referentes aos temas definidos no perfil profissional;
  4. compreender a realidade moçambicana; e
  5. raciocinar de uma maneira abstracta e lógica e apresentar argumentos bem fundamentados sobre os assuntos relacionados com os temas definidos no perfil profissional;

O graduado em Engenharia Agronómica poderá exercer funções nos seguintes sectores:

a)      sector agrário público e privado;

b)      instituições de educação agrária, de nível médio e superior;

c)      instituições de investigação agrária;

d)     agências de desenvolvimento (rural); e

e)      organizações comunitárias nas zonas rurais, incluíndo organizações de produtores.

Para garantir a formação de um graduado com as caraterísticas descritas no perfil do graduado,  os  métodos de ensino e avaliação enfatizam uma aprendizagem activa pelo estudante. Sempre que for apropriado, e baseado nos objectivos de aprendizagem, os seguintes métodos de ensino serão utilizados:

  1. aulas teóricas que realçam conceitos, o raciocínio e a compreensão e que também incluam tópicos relevantes e importantes para a vida profissional;
  2. aulas práticas e laboratoriais que permitem ao estudante experimentar por si próprio, exercitar, raciocinar e apreender os métodos de “aprender”, de “fazer”, de “apresentar” e “analisar” o seu trabalho e que incentivam o trabalho em grupo e independente;
  3. trabalho em grupos intencionalmente formados pelo docente, sempre que possível o docente poderá aplicar o método PBL (Problem Based Learning)  para orientar os estudantes na realização dos seus trabalhos em grupo;
  4. seminários que permitam a prática da análise, da argumentação e apresentação das ideias, problemas e soluções e incentivam o trabalho em grupo e independente; e
  5. actividades de campo, incluindo visitas de estudo às farmas, explorações florestais, e centros de investigação, que permitam ao estudante experimentar as actividades agrícolas e florestais, e integrar o seu conhecimento no contexto da vida nas zonas rurais.

Com base na natureza da disciplina, pode ser usada a combinação dos seguintes métodos de avaliação:

  1. testes escritos;
  2. relatórios das aulas práticas e laboratoriais;
  3. ensaios;
  4. projectos apresentados oralmente ou por escrito;
  5. participação e atitude nas actividades da disciplina; e
  6. exames finais escritos, práticos ou orais.
 


Seja o primeiro a escrever um comentário sobre este curso.

Pré-inscrição/Manifestação de Interesse

A pré-inscrição é uma manifestação de interesse perante este curso. Os serviços acedémicos da instituição, caso o seu perfil esteja de acordo com os requisitos, entrarão em contacto consigo para dar seguimento à sua inscrição.

Indique qual a escola que frequentou, com que média terminou, se possui condições económicas entre outros dados que considere importantes para a primeira avaliação do seu perfil.

Indique os 5 números apresentados na imagem abaixo.

security code

CONDIÇÕES:
a) Angola Formativa não se responsabiliza por eventuais falhas na distribuição das fichas de pré-inscrição às respectivas instituições de ensino.
b) Os dados introduzidos pelos candidatos são da exclusiva responsabilidade dos mesmos.
c) O procedimento de pré-inscrição é um acto de manifestação de interesse do futuro candidato, pelo que deve ser o mesmo a garantir, por outros meios, que este procedimento foi realizado com êxito.

Informação

Documentos Necessários

Depois de efectuada a pré-inscrição deverá preparar a seguinte documentação (que pode variar de instituição para instituição e de grau académico para grau académico):

  • Original e cópia do certificado de habilitações com notas discriminadas do grau de ensino imediatamente inferior ao que se prentede candidatar.
  • Original e cópia do documento de identificação (B.I, passaporte ou cartão de residente).
  • Declaração de serviço, para os candidatos trabalhadores. Documento militar ou policial, caso seja militar ou polícia.
  • Atestado de situação militar regularizada para os candidatos masculinos em idade militar.
  • Três fotografias tipo-passe recentes.
  • Comprovativo do pagamento bancário da inscrição.

Cursos Relacionados

Deixe um Comentário

Deixe aqui o teu comentário ou a pergunta sobre o tópico para ajudar a comunidade ou para que a comunidade o ajude a si

Indique os 5 números apresentados na imagem abaixo.

security code

Comentários

A carregar os comentários...

©2017 ASGLOBAL // Matola - Maputo - Moçambique | Webdesign Moçambique BYDAS

Voltar ao Inicio